sábado, 8 de setembro de 2007

Em algum lugar do Passado....

Ô Tempo bom !

Todos nós tão novinhos, novinhos... felizes, em São Gonçalo do Sapucaí, MG, 1972, local onde meu meu pai nasceu... Tudo de bom né?

Foi a única vez que fomos lá, conhecer a terra do meu pai.

Só tem gente feliz aí... Papai, Mamãe e seus 6 pintinhos...
Tempo muito bom mesmo, que não volta mais!
------------------------


Foto digitalizada e enviada pela minha sobrinha linda Bianca.

6 comentários:

Elaine® disse...

Oi amiga!

Passei pra ver seu cantinho e deixar minha marquinha,está tudo lindo aqui viu?
Já linkei vc também miguinha?
Ficou lindo teu selinho.
Te amo muito,espero anciosa pelo novo grupo, falei com o Ingo e ele também topa viu miga? ele está com pc pra arrumar.
Fica com Deus.

JuMelo disse...

Adorei essa foto, adoro fotos assim... mas num consegui te achar...rs... beijão!!

Fátima disse...

Cida...
Li se blog e chorei. Que amor lindo pelo seu pai. Lembrou o meu que até hoje não me conformo com sua partida. Realmente fica um vazio,um buraco tão gde, que só com o tempo vai diminuindo e vai ficando a saudade. Até hoje eu não gosto de ir à casa da minha mãe, ela reclama, mas dói lembrar que ele vivia ali e que eu não posso mais vê-lo na garagem cuidando dos pássaros que ele criava. Sabe uma pessoa espirita falou, que eu não devia me sentir assim, que isso fazia mal para o espirito dele. Sei lá se é verdade, mas estou tentando me conformar e deixar o espirito dele em paz.
Bjs amiga
Fátima

Bianca disse...

Se blog estava de mau comigo... não me deixava postar comentários... Mas, como vc pode perceber, fizemos as pazes, rsrsrs.
Amei seu post, as fotos... está tudo tão lindo!!! Chorei, viu?
Te amo!Estou com saudades!!! Bjs

Geovana disse...

Oi, Cida !
Vim te visitar !
Seu blog está muito bonito.
Que bom podermos compartilhar as coisas.
Olha, seu papai tem uma carinha tão doce. E é com esta doçura que ele está sendo cuidado la do outro lado.
Um abraço grandão pra vc
Ótimo fim de semana !

Geovana disse...

Queria complementar o que a Fátima disse. É verdade, li alguns livros após a morte do meu pai e todos falavam isso que os entes queridos que se vão sofrem se a gente sofrer.
É difícil, mas devemos tentar aceitar, e o melhor a fazer é rezar, ler e ter fé. Esperar o tempo passar colocando o nosso sentimento em Deus.